Categorias
NOVIDADES

SEUS DIREITOS Mobilidade Niterói e Dia ‘DE BIKE AO TRABALHO’

topo-coluna-seusdireitos

 

Niterói tem diversos problemas emergenciais, como segurança e saúde pública. Porém, o problema mais importante da cidade, e que precisa ser sanado para um futuro com qualidade de vida para seus moradores, é o mesmo dos maiores centros urbanos do mundo: MOBILIDADE.

Como eu, todos que vivem em Niterói já sabem: TRÂNSITO e engarrafamentos pra todos os lados, todos os dias. Durante décadas, o excesso de veículos nas ruas, a ocupação desproporcional do transporte individual motorizado (carros e motos) nos espaços públicos, a falta de espaço para bicicletas nas vias, violência e falta de políticas públicas bem definidas, fizeram com quem chegássemos a dados bastante preocupantes. Se não mudarmos a forma de pensar, agir e nos comportar, em poucas décadas, nossa cidade entrará em COLAPSO. Teremos muitos carros para pouquíssimo espaço.

NÃO SÓ AQUI

O histórico brasileiro de medidas e políticas de incentivo ao uso do transporte individual motorizado em detrimento de investimento em coletivos e não motores gerou índices que chegam a apontar um veículo para cada dois habitantes.

Niterói é considerada uma cidade alternativa. E nos orgulhamos disso. Em cultura, política, artes em geral, ecologia e outras modalidades de participação na vida social, nossa cidade é reconhecida e respeitada. É muito natural, portanto, que Niterói se destaque nas discussões e práticas relativas à mobilidade urbana e preservação do meio ambiente. Entre estas diversas destaca-se, em todo o mundo, o uso da bicicleta como transporte alternativo ou instrumento de lazer.

Muitos não sabem, mas este problema de mobilidade urbana, não é exclusividade da nossa cidade, estado ou país, mas sim uma grande mazela mundial. Os problemas ambientais e de mobilidade são os temas mais discutidos em todas as conferências da ONU, por exemplo, assolando até mesmo os países chamados de “primeiro mundo”.

MOBILIDADE NITERÓI

Turismo Uff

Pensando nisso, a atual administração da cidade, têm elaborado diversos projetos em prol da mobilidade urbana sustentável. Dentre eles podemos citar a transoceânica, a ciclovia na Av. Roberto Silveira (ligando Icaraí ao Centro), o PUR de Pendotiba, diversas ciclofaixas espalhadas por todas as regiões, e muito mais. Estamos no caminho certo, mas precisamos nos adequar à esta nova realidade onde temos a obrigação de elaborar projetos visando opções facilitadores do transporte coletivo de massa e também a qualidade de vida das pessoas.

Dentre as iniciativas de mobilidade da cidade, destacam-se o Programa Niterói de Bicicleta e o grupo Mobilidade Niterói, feito por ciclistas da cidade, e que preza pela total participação popular, desde o planejamento até a elaboração de propostas e soluções de mobilidade urbana. Nesta semana, o programa lançou, em parceria com o Pedal UFF-Tur, Planett e Programa Niterói de Bicicleta, uma nova pesquisa, que tem como objetivo, identificar o perfil das pessoas que realizam passeios na cidade por meio da bicicleta, os locais que são mais visitados, suas motivações e até problemas encontrados na infraestrutura, cicloviária e turística.

É muito importante que todos que utilizam ou utilizaram, em qualquer data, a bicicleta para deslocamento na cidade de Niterói com motivação de lazer, passeio ou conhecimento do município, PARTICIPEM DA PESQUISA CLICANDO AQUI. 

Mais informações sobre a pesquisa: clique aqui

banner-DBAT-2016-home-site-850x230

 

DE BIKE AO TRABALHO

O dia De Bike ao Trabalho é inspirado no Bike To Work Day, um evento anual realizado em vários cantos do mundo para promover a bicicleta como uma opção de transporte para o trabalho. Maio é considerado o mês da bike ao trabalho, e cada cidade opta por uma data diferente. No Brasil adotamos o De Bike ao Trabalho para toda segunda sexta-feira do mês. Logo, em 2016, será no dia 13 de maio.

DEPENDE DE TODOS NÓS

A luta mundial em favor do uso da bicicleta é uma inciativa, antes de tudo, cidadã. Antes de se transformar em política pública, em qualquer parte do mundo, o esforço em prol do uso intensivo e generalizado das “magrelas” de duas rodas sempre foi uma manifestação de cidadania. Com o crescimento da consciência ecológica, o que poderia ser apenas um recurso barato para atender à necessidade de transporte individual transformou-se numa alternativa no combate à poluição. E com o caos em que se transformou o trânsito de veículos automotores na grande maioria da aglomerações urbanas, a bicicleta se apresenta como um recurso óbvio de melhoria de transporte individual e fundamental auxilia no transporte em geral.

É fundamental salientarmos que, de nada adiantam políticas públicas se não mudarmos também a nossa forma de pensar e agir. Devemos reavaliar o nosso comportamento cotidiano, substituindo, dentro do possível, a opção do carro por transportes coletivos ou até mesmo a bike. Sendo assim, que tal aproveitar nesta semana para pedalar, aproveitando o dia do “De Bike ao Trabalho”? Para saber como aderir, CLIQUE AQUI. Vamos divulgar essa ideia!

 

LINKS

Para mais informações sobre a pesquisa: pedalufftur@gmail.com
A campanha De Bike ao Trabalho é uma realização do http://bikeanjo.org/
Mobilidade Niterói
Pedal UFF-Tur
www.niteroidebicicleta.rj.gov.br/
www.facebook.com/NiteroiDeBicicleta

Exija seus Direitos!

Tem alguma dúvida ou sugestão para a Coluna “Seus Direitos”? Entre em contato.

CLIQUE AQUI PARA RECEBER MAIS CONTEÚDOS


Leandro Portugal – Advogado, 33 anos. Nascido e criado em Niterói, amor incondicional pela cidade.
www.facebook.com/LeandroPortugalRj
www.instagram.com/LeandrinhoPortugal
www.leandroportugal.com.br