Acesse nossas Mídias

Cultura

Rio Festival Gay de Cinema 2015 – Todos os Gêneros e Sexualidades chega à quinta edição com exibições em Niterói

Compartilhe

bild_4652De 2 a 12 de julho, o Rio de Janeiro será a capital mundial do cinema de gênero e sexualidade. Contando com obras de mais de 30 países, além de convidados internacionais, o Rio Festival Gay de Cinema 2015 – – Todos os Gêneros e Sexualidades chega à quinta edição tendo como principal espaço de exibição o Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro, na Cinelândia.

Nesta edição, o Festival amplia os seus espaços de exibição – além do Cine Odeon, o Cine Livraria Cultura, o Cine Joia e o Cine Arte UFF entram no circuito do festival.  Entre longas e curtas-metragens, serão 120 produções (27 longas e 93 curtas) que, distribuídas na programação, vão abordar os gêneros e sexualidades por diferentes pontos de vista.

O programa Panorama Internacional vai receber 18 filmes inéditos – entre eles o documentário Game Face (Bélgica e EUA), do diretor Michiel Thomas, e o filme B de ficção científica e horror Dyke Hard, da sueca Bitte Andersson.  Ambos os cineastas virão ao Brasil para apresentar seus filmes.  Ainda neste Panorama, destaque para o novo filme de Bruce La Bruce, Pierrot Lunaire; a primeira produção na temática do Sri Lanka, Frangipani; e o delicado Atlantida, dirigido pela argentina Ines María Barrionuevo.

Já o Panorama Nacional vai apresentar nove filmes, na sua maioria, documentários. Gazelle – The Love Issue, de Cesar Terranova, será o filme de abertura, dia 2 de julho, no Cine Odeon.   A sessão de encerramento, dia 11 de julho, contará com Castanha, de Davi Pretto.  Na ocasião haverá o show da Maria Helena Castanha, a personagem do filme Castanha. O escritor Caio Fernando Abreu e o artista plástico Leonilson são retratados, respectivamente, nos documentários Para Sempre Teu Caio F.  (Candé Salles) e A Paixão de JL(Carlos Nader).  Os diretores e atores de todos os longas-metragens nacionais estarão presentes no Festival.

Os demais títulos vão se dividir entre a Competição Nacional de Curtas (11 curtas), a Competição Internacional de Curtas (27 curtas), a Mostra Nacional de Curtas (11 curtas), o Transcinema (14 curtas) e o DIV.A – Diversidade em Animação (30 curtas). Haverá também debates com os realizadores, seminário, show e o programa Panorama Jovem.

“O cinema nacional de gênero e sexualidade está se renovando e conquistando níveis inéditos. Diversos cineastas estão sendo premiados e seus filmes exibidos em grandes festivais internacionais de cinema. O brilho intenso dessas produções nacionais se reflete na curadoria desta edição do festival”, afirma Alexander Mello, diretor e curador do festival.

O circuito do Rio Festival Gay de Cinema 2015 – Todos os Gêneros e Sexualidades abrange o Centro do Rio de Janeiro (Cine Odeon – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro, Centro Cultural da Justiça Federal e Cine Livraria Cultura), a Zona Sul (Instituto Cervantes, em Botafogo e o Cine Joia em Copacabana), a Zona Norte (Arena Carioca Jovelina Pérola Negra,na Pavuna, e Arena Carioca Dicró, na Penha Circular) e Niterói (Cine Arte UFF).

Rio Festival Gay de Cinema 2015 – Todos os Gêneros e Sexualidades tem o patrocínio da Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e da Secretaria Municipal de Cultura. A programação completa pode ser acessada no site oficial do evento (www.riofgc.com.br). Fotos dos filmes podem ser baixadas em www.riofgc.com/imprensa2015.html

PROGRAMAÇÃO DE FILMES

Dyke Hard

Bitte Andersson, diretora do filme

Buck Blossom, diretor de fotografia e co-roteirista do filme

ESTREIA NO BRASIL com a presença da diretora Bitte Andersson e de Buck Blossom, diretor de fotografia e co-roteirista do filme. Totalmente contra a corrente dos filmes suecos, Dyke Hard é um filme B de ficção científica e horror cheio de cores sobre uma banda de rock lésbica que embarca numa viagem para uma batalha de bandas na cidade grande. Pra completar o combo, o filme é de baixo orçamento e teve o apoio da equipe e o apoio online para sua realização. É um convite ao entretenimento com muito bom humor.

Entrevista com a equipe em Berlin  https://www.youtube.com/watch?v=DaHJcdStqck

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=FhOjrRGUl5Y

Game Face

Michiel Thomas, director/ produtor do filme

ESTREIA NO BRASIL com a presença do diretor/ produtor Michiel Thomas. O documentário mostra uma viagem inspiradora de dois atletas, uma lutadora transexual e um jogador de basquete gay, na busca do verdadeiro eu e da aceitação na sociedade.  A homofobia ainda é um tabu no mundo dos esportes profissionais e universitários. Alguns atletas são intimidados, rejeitados, forçados a ficar no armário, e acabam em depressão, outros até cometem suicídio. Com a proximidade dos Jogos Olímpicos – Rio 2016, o filme traz uma mensagem positiva de apoio a esses atletas.

Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=SHkx9evsC-M

ABERTURA DO FESTIVAL

Filme: Gazelle – The Love Issue

Dia 2 de julho no Cine Odeon: Estreia no Rio de Janeiro com a presença de Cesar Terranova, diretor do filme, do Gazelle e de Scooter LaForge.

ENCERRAMENTO DO FESTIVAL

Filme: Castanha

Dia 11 de julho: Exibição do filme, presença do ator do filme, João Carlos Castanha e show de Maria Helena Castanha, a personagem do filme Castanha.

PANORAMA NACIONAL

O Panorama Nacional é a competição oficial de longas-metragens brasileiros de ficção e documentário. Os diretores e atores dos 9 longas brasileiros selecionados estarão no festival.

Convidados brasileiros:

– Carlos Nader, diretor de A Paixão de JL.

– Everaldo Pontes, ator de Batguano.

– Miriam Chnaiderman, diretora de De Gravata e Unha Vermelha.

– Rodrigo Felha, diretor de Favela Gay.

– Gustavo Vinagre, diretor de Nova Dubai.

– Candé Salles, diretor de Para Sempre Teu Caio F.

– Rafael Saar, diretor de Yorimatã.

– Cesar Terranova, diretor de Gazelle – The Love Issue.

– Gazelle e do Scooter LaForge de Gazelle – The Love Issue.

– João Carlos Castanha, ator de Castanha.

PANORAMA INTERNACIONAL

O Panorama Internacional é a competição oficial de longas-metragens internacionais de ficção e documentário.

Convidados internacionais:

– Bitte Andersson, diretora de Dyke Hard

– Buck Blossom, diretor de fotografia e co-roteirista de Dyke Hard

– Michiel Thomas , diretor de Game Face

– Ines María Barrionuevo, diretora de Atlantida

– Ester Martin Bergsmark, diretor de Something Must Break

COMPETIÇÃO DE CURTAS

Os 11 curtas para a COMPETIÇÃO NACIONAL DE CURTAS serão exibidos antes dos longas-metragens do Panorama Nacional. E os 27 curtas internacionais participam da COMPETIÇÃO INTERNACIONAL DE CURTAS.

MOSTRA NACIONAL DE CURTAS

11 curtas-metragens brasileiros foram selecionados para a MOSTRA NACIONAL DE CURTAS.

TRANSCINEMA

14 curtas. Novas experiências de percepção e de consciência sobre a realidade. Os filmes selecionados buscam uma inovação de linguagem, narrativa, direção e edição, e rompem com as barreiras do cinema tradicional. Eles são caracterizados pela ausência de uma narrativa linear e ausência de uma lógica de causa e efeito. Como destaque temos o ucraniano Sex, Medicated, Rock-n-Roll, de Analiy Belov.

DIV.A – DIVERSIDADE EM ANIMAÇÃO

O DIV.A  – Diversidade em Animação está na sua sétima edição e a partir de 2015 está totalmente incluída na programação oficial do Rio Festival Gay de Cinema 2015. 30 curtas de animação brasileiros e estrangeiros irão participar desta edição do DIV.A.

Convidada Internacional:

– Lisa Persson, animadora.

PANORAMA JOVEM

Os filmes de ficção, documentário e animação, selecionados falam diretamente com o público adolescente e jovem sobre questões relacionadas aos gêneros e sexualidades. O programa de curtas será exibido na Arena Carioca Dicró e na Arena Carioca Jovelina Pérola Negra.

– Bate-papo com Felipe Forte, médico hebiatra, após a exibição do Panorama Jovem, na Arena Dicró, dia 9 de julho, às 14h30.

ESPECIAL ANTONY HICKLING

Antony Hickling nasceu na África do Sul, Joanesburgo. Ele cursou a Universidade de Manchester e estudou para seu doutorado em Paris na Universidade Paris 8, onde passou a dirigir filmes relacionados a gêneros e sexualidades. Seus filmes foram exibidos em festivais de cinema em todo o mundo. Dois longas-metragens do diretor serão exibidos no festival: Little Gay Boy e One Deep Breath.


ATIVIDADES PARALELAS

SEMINÁRIO “NOVOS RUMOS DO CINEMA DE GÊNERO E SEXUALIDADE”

Mesa com diretores/ produtores de filmes brasileiros.

Datas e local a definir

DEBATE COM DIRETORES INTERNACIONAIS

– Bitte Andersson, diretora de Dyke Hard

– Buck Blossom, diretor de fotografia e co-roteirista de Dyke Hard

– Michiel Thomas , diretor de Game Face

– Ines María Barrionuevo, diretora de Atlantida

– Ester Martin Bergsmark, diretor de Something Must Break

DEBATE COM DIRETORES NACIONAIS

– Carlos Nader, diretor de A Paixão de JL

– Everaldo Pontes, ator de Batguano

– Miriam Chnaiderman, diretora de De Gravata e Unha Vermelha

– Rodrigo Felha, diretor de Favela Gay

– Gustavo Vinagre, diretor de Nova Dubai

– Candé Salles, diretor de Para Sempre Teu Caio F.

– Rafael Saar, diretor de Yorimatã

– Cesar Terranova, diretor de Gazelle – The Love Issue

– João Carlos Castanha, ator de Castanha

SHOW

Dia 11 de julho no Instituto Cervantes

Com João Castanha, ator de Castanha.

SERVIÇO

 

Rio Festival Gay de Cinema 2015 – Todos os Gêneros e Sexualidades

De 2 a 12 de julho de 2015

Verifique a classificação indicativa dos filmes no site www.riofgc.com

Espaços

CINE ODEON – Centro Cultural Luiz Severiano Ribeiro

End.: Praça Floriano 7,  Cinelândia, Rio de Janeiro

Ingressos: R$ 20,00 (vinte reais) a inteira e R$ 10,00 (dez reais) a meia-entrada.

Website: www.facebook.com/CineOdeon

INSTITUTO CERVANTES

End.: Rua Visconde de Ouro Preto 62, Botafogo, Rio de Janeiro.

Ingressos: R$ 20,00 (vinte reais) a inteira e R$ 10,00 (dez reais) a meia- entrada.

Website: riodejaneiro.cervantes.es

Tel.: (21) 3554-5910

CENTRO CULTURAL JUSTIÇA FEDERAL

Cine Cultural Justiça Federal

End.: Avenida Rio Branco 241, Centro, Rio de Janeiro.

Ingressos: R$ 20,00 (vinte reais) a inteira e R$ 10,00 (dez reais) a meia- entrada.

Website: www.ccjf.trf2.jus.br

Tel.: (21) 3261-2550

CINE JOIA

End.: Avenida Nossa Senhora de Copacabana 680, Copacabana, Rio de Janeiro.
Ingressos: R$ 20,00 (vinte reais) a inteira e R$ 10,00 (dez reais) a meia- entrada.

Website: www.cinejoiacopa.com.br

Tel.: (21) 2236-5671

LIVRARIA CULTURA – CINE VITÓRIA

End.: Rua Senador Dantas 45, Centro, Rio de Janeiro.

Entrada franca.

Website: www.livrariacultura.com.br

Tel.: (21) 3916-2600

CINE ARTE UFF

Centro de Artes UFF

End.: Rua Miguel de Frias 9, Icaraí – Niterói / RJ.

Ingressos: R$ 12,00 (doze reais) a inteira e R$ 6,00 (seis reais) a meia-entrada. E segunda-feira a R$ 4,00 (promoção para todos).

Website: www.centrodeartes.uff.br

Tel.: (21) 3674-7512

ARENA CARIOCA DICRÓ

End.: Rua Flora Lobo, Penha Circular, Rio de Janeiro.

Entrada franca

Website: www.arenacariocadicro.org.br

Tel.: (21) 7951-0203

ARENA CARIOCA JOVELINA PÉROLA NEGRA

End.: Praça Énio s/n, Pavuna, Rio de Janeiro.

Entrada franca

Website:  www.facebook.com/ArenaJovelinaPerolaNegra.html

Tel.: (21) 3554-5910


Compartilhe
Continuar Lendo
Comentários

Mais Cultura

  • Agenda

    MAC e Museu Janete Costa reabrem para o público neste sábado

    Por

    CompartilheA Prefeitura de Niterói, por meio da Secretaria das Culturas/FAN, reabre neste sábado (08), para o...

  • Cultura

    Museu Janete Costa de Arte Popular com atrações virtuais

    Por

    CompartilheO Museu Janete Costa de Arte Popular oferece até 30 de abril uma divertida programação online....

  • Cultura

    Projeto de restauração do Cinema Icaraí aprovado

    Por

    Compartilhe O Conselho de Patrimonio Cultural de Niterói aprovou o projeto de restauração do Cinema Icaraí....

  • Agenda

    Oficina Social de Teatro apresenta a comédia “A irmandade das almas”

    Por

    CompartilheA Oficina Social de Teatro apresenta “A irmandade das almas”,espetáculo adaptado de alguns textos de Martins Penna. No dia da festade finados uma confusão acontece com vários núcleos da sociedadecarioca. Um homem que tira proveito dos mortos; uma moça se envolve com os problemas do namorado, que é coveiro; uma noviça que quer largar oconvento; três beatas fofoqueiras. Mantendo viva nessa encenação acomédia de costumes que foi introduzida por Martins Penna no cenárioteatral brasileiro, “A irmandade das almas” é uma comédia pra todafamília, que faz pensar sobre o lugar da mulher na sociedade, além dahipocrisia social. “Com este espetáculo, buscamos trazer sempre para a atualidade essegrande autor que foi Martins Penna que, com sua comédia de costumes,valorizou o teatro brasileiro. Como não queria escolher uma única obradesse autor utilizamos alguns textos para a montagem de uma outradramaturgia, mas respeitando os personagens de suas obras”, explica adiretora Erika Ferreira. Para este espetáculo, a OST fará uma grande campanha de formação deplateia através da oferta de ingressos gratuitos para estudantes darede pública de ensino de Niterói e pessoas ligadas a ONGs einstituições de caridade em geral. “Temos como fator prioritáriodiscutir temas que são importantes à sociedade, tendo no palco umaexcelente arma favorável à reflexão. Ao oferecer boa parte de seusingressos, a OST cumpre com um de seus pilares de missão que éoferecer teatro de qualidade a todos colaborando, com isso, comformação de uma sociedade mais justa e igualitária”, diz JoséGeraldo Demezio. SERVIÇO: 14 de dezembro de 2019 – 11h Classificação etária: Livre Duração média: 60 minutos Local: Sede da OST – Rua Saldanha Marinho, 14 – Centro – Niterói/RJ Ingressos: GRÁTIS Informações: (21) 2721-0468 REALIZAÇÃO: OFICINA SOCIAL DE TEATRO Link: http://www.ofsocialdeteatro.com/ Compartilhe

  • Cultura

    Mais uma operação do Procon nos mercados de Niterói

    Por

    CompartilheO Procon Estadual fiscalizou, na última segunda-feira (01/04), cinco estabelecimentos em Niterói e Maricá a pedido...

Topo
Abrir chat
Precisa de ajuda?