Categorias

NOTÍCIAS Uso excessivo de antibióticos cria resistência antimicrobiana na agropecuária

Produção de aves livres de medicamentos é essencial para a saúde

Produção de aves livres de medicamentos é essencial para a saúde

Segundo informação da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), publicada no site do órgão em 18 de novembro de 2020, o uso exagerado de antibióticos na agropecuária vem chamando atenção para a resistência antimicrobiana, quando os medicamentos não fazem mais efeito para eliminar vírus e bactérias, por exemplo.

A resistência desses microrganismos pode desencadear a propagação de doenças graves, que afeta não só a produção dos alimentos, mas também a saúde do ser humano, exemplo do que aconteceu em janeiro de 2021, no maior produtor de ovos da Suécia, que teve que abater cerca de 1,3 milhão de frangos, por conta da variante H5N5, da gripe aviária.

Sendo a primeira marca brasileira a criar, em grande escala, aves de postura livre de antibióticos, a Korin, empresa reconhecida nacionalmente por produzir e comercializar alimentos orgânicos e sustentáveis de origem animal e vegetal, vem reafirmando a sua posição, tratando a sua produção por meios naturais.

Baseada na filosofia da Agricultura Natural, de Mokiti Okada (Japão, 1882-1955) a empresa iniciou a produção de ovos de galinhas livres de antibióticos muito antes do surgimento das certificações, no ano de 1997. Este processo diferenciado e pioneiro no país serviu de base para que a WQS (World Quality Service), empresa de certificação, inspeção e treinamento, que atua no mercado brasileiro há mais de 20 anos, desenvolvesse o selo “livre de antibióticos”, concedido à Korin em 2013.

O sistema de produção da marca também não admite o uso de anticoccidianos, produtos químicos adicionados à alimentação das aves, usado para evitar a coccidiose aviária, que não são categorizados como antibióticos, mas segundo especialistas, são.

Para combater possíveis doenças nas aves, a empresa só utiliza probióticos como os óleos essenciais, extratos de plantas e microrganismos para promover total controle, sendo uma somatória de fatores que faz com que a Korin tenha propriedade, fruto de muita pesquisa, para não utilizar nenhum tipo de antibiótico, sendo livre de qualquer OMG (Organismo Geneticamente Modificados), sem transgênicos, antibióticos e quimioterápicos com certificação IBD, constatando o não uso de transgênicos na alimentação das aves, resultando em linhas de ovos livres de transgênicos ou orgânicos.

Outro diferencial da marca é que, desde o começo, nunca utilizou gaiolas na produção. Assim, as aves podem verdadeiramente expressar seus comportamentos naturais. A produção também é certificada com o selo de bem-estar animal emitido pela Certified Humane Brasil (HFAC), principal organização internacional voltada para a melhoria da vida das criações animais na produção de alimentos, do nascimento até o abate.

Primeira empresa brasileira a receber essas certificações, a Korin atesta o seu pioneirismo na busca de oferecer alimentos saudáveis aos consumidores, se tornando cada vez mais reconhecida como empresa confiável e pioneira no segmento de orgânicos e sustentáveis.

A loja da Korin em Niterói fica na rua Dr. Tavares de Macedo, 96 – loja 101, Icaraí e atende também pelos telefones (21) 3843-0128 e Delivery pelo Whatsapp (21) 99504-8182, de segunda à sexta, das 9h às 18h30 e sábado, das 9h às 15h.