Categorias
NOVIDADES

CIDADE Cartazes de grupo ligados à Ku Klux Klan ameaçam minorias em Niterói

12004041_1073326179358893_2571707787927840907_nCartazes espalhados pela região central de Niterói, no último fim de semana, chamaram a atenção da população da cidade e ganharam as redes sociais devido ao seu cunho ameaçador. As mensagens, proferidas pelo grupo que se auto-denomina “Imperial Klans of America Brasil” visam intimidar grupos de minoria, como negros, judeus e homossexuais, e também criminosos. Eles colocam no mesmo patamar traficantes e pedófilos. A polícia já investiga o caso.

“Comunista, gay, judeu, muçulmano, negro, antifa, traficante, pedófilo, anarquista. Estamos de olho em você”, diz um dos cartazes.

“Vocês estão sendo colocados sobre observação e que qualquer ato de agressão em solo brasileiro serão atendidas com a agressão contra vocês. United Klans of America Brazil não vai comprar a esta retórica RACIAL que está sendo espalhados por todo o país que se destina apenas a dividir o povo. Nós vamos caçar qualquer um que desejo nosso país e seus cidadãos mal. Temos operado nas sombras mais do que vocês, então não subestime o que você não entende. Gostaríamos de sugerir que todos os irmãos brancos se unissem contra o inimigo comum. E que todos nós tomamos um juramento de defender (sic)”, dizia outro.

O “Imperial Klans of America Brasil” segue o mesmo preceito de grupos norte americanos intitulados Ku Klux Klan, conhecido por suas medidas antissemitas, racistas e homofóbicas.

De acordo com informações do jornal O Fluminense, agentes do Centro Integrado de Segurança (CISP), de Niterói, estão analisando as imagens das câmeras.  Assim que algo for identificado, os vídeos serão encaminhadas para a delegacia responsável pelo caso, a 76ª DP (Centro), para que os policiais possam identificar os criminosos.