Acesse nossas Mídias

Cidade

Primeiro trecho da obra de revitalização da Moreira César fica pronto nesta sexta-feira

Compartilhe

moreiracesarO primeiro trecho da obra de revitalização da Rua Coronel Moreira César, em Icaraí, entre as ruas Miguel de Frias e Pereira da Silva, será entregue à população nesta sexta-feira (04/12), como informou a Prefeitura de Niterói. A previsão para a conclusão de toda a obra é de 24 meses.

De acordo com o Prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, a revitalização da via representa uma grande melhoria no corredor comercial que gera quase 10 mil empregos na cidade e abriga cerca de 500 lojas.

“A Moreira César é uma das principais ruas comerciais de Niterói e do Estado do Rio de Janeiro. O objetivo é moderniza-la e atrair, assim, mais empregos.A rua será aberta para que os comerciantes possam desenvolver seus negócios às vésperas do Natal. Temos o Sindlojas nos apoiando, pois era uma obra que os comerciantes desejavam. Sabemos dos transtornos, mas será para o benefício da cidade”, afirmou o prefeito .

O empreendimento está sendo realizado com um investimento de R$ 8.098.642,27, obtido através de emenda orçamentária do deputado federal Sergio Zveiter. A reurbanização da Rua Moreira César é um projeto que os lojistas esperam desde 2007.

“O principal corredor comercial da cidade está ficando com uma cara mais moderna, arrojada, avançada e quem sai ganhando é a população”, observou Charbel Thail, presidente do Sindilojas.

Dentre as novidades está a implantação do sistema de  “traffic calming” nos  cruzamentos da Moreira César. Nesses trechos, os motoristas terão que reduzir a velocidade.  O piso da rua será nivelado ao da calçada, que terá barras de segurança para impedir a travessia fora da faixa de pedestres. A via também passará a contar com uma faixa de rolamento e uma de estacionamento (com 6 metros), além de uma ciclofaixa em toda a sua extensão (com 1,20m de largura).

A Moreira César receberá, ainda, a instalação de pisos táteis, padronização de todos os equipamentos e mobiliário urbano (como bancas de flores e de jornais, lixeiras, jardineiras e bancos) e nova programação visual como forma de reforçar sua identidade.

Também está sendo feita a substituição de toda a fiação aérea pelo sistema subterrâneo, instalação de novos postes com duas saídas de luz (uma mais alta para a rua e outra mais baixa para a calçada), monitoramento permanente por câmeras de segurança, acesso livre à internet, com rede wi-fi, instalação de 28 totens multimídia para informação, reforço na limpeza urbana, com ênfase na coleta seletiva de lixo, reaproveitamento de águas cinzas e logística reversa de embalagens, insumos e equipamentos.

“É importante destacar que não é uma obra de embelezamento, e sim, de infraestrutura para os próximos 40 anos. Isso é importantíssimo para o comércio. Toda a parte de fiação será subterrânea”, garante Fabiano Gonçalves, secretário de Desenvolvimento Econômico de Niterói.

Fábio também abordou a opção pelo granito nas calçadas.

“Se ruas de grandes centros do mundo podem ser de granito, por que não a de um grande centro como a Moreira César? São mais de 20 mil moradores e um comércio importante. Tivemos alguns contratempos como a chuva, mas a obra está dentro do previsto”, disse o secretário de Desenvolvimento Econômico.

Segundo ele, no início de 2016 outras duas partes devem ser iniciadas tão logo o trecho que liga a Ary Parreiras seja concluído. A previsão é que até quarta-feira seja concretada a entrada da rua Miguel de frias e parte das calçadas já comecem a ser liberadas caso não haja chuva forte.


Compartilhe
Continuar Lendo
Comentários

Mais Cidade

Topo