Categorias
NOVIDADES

CIDADE Grupos no Facebook fiscalizam e compartilham informações sobre Niterói

NiteroiAlertaA tecnologia tem sido uma das maiores aliadas da sociedade. Com a popularização dos smartphones e das redes sociais, denunciar, alertar e questionar o que acontece na cidade se tornou mais fácil e eficiente. A troca de menagens por pessoas que possuem o mesmo tipo de interesse é tão grande que o Facebook – a maior rede social do mundo, possui comunidades de discussão chamadas de Grupos. O objetivo é estimular a participação dos usuários através de aplicativos e constantes melhorias. Nelas, os participantes trocam informações sobre os mais variados assuntos. Um dos temas que possui maior número de integrantes tem a ver com cidadania.

Em Niterói, vários grupos são destinados a falar sobre questões relacionadas ao município. Um dos mais populares, o Niterói Alerta, possui quase 20 mil membros que debatem sobre assuntos relacionados a cidade, realizam denúncias através de textos e fotos e postam informações sobre assaltos e arrastões.

“Esta é uma ferramenta de importância indiscutível. Além da agilidade na divulgação de informações de interesse público e que podem ser postadas na hora, também serve como plataforma para cobrança e crítica dos serviço públicos”, revela Carlos de Albuquerque, um dos responsáveis pelo grupo. Para ele, este tipo de serviço ajuda – e muito – na livre circulação das informações.

Porém, nem tudo que é publicado na internet pode ser considerado verdade. Muitas notícias falsas são espalhadas e sempre é bom ter cuidado na hora de compartilha-las.

“É importante frisar que notícias falsas e informações não confirmadas podem ser perigosas e surtir efeito contrário, podendo gerar pânico e até problemas mais sérios. É importantíssimo que cada participante dos grupos tenha consciência da responsabilidade do que posta, já que somos nós que trazemos as notícias pra esses espaços”, alerta Albuquerque.