Acesse nossas Mídias
campanha combate coronavirus

Notícias

341 imóveis da cidade são multados por focos de dengue

Compartilhe

Niterói segue em sua luta contra a Dengue. Agentes de controle de vetores da cidade multaram, de janeiro até o último dia 5 de novembro, um total de 341 imóveis (residências ou terrenos) de todo o município que apresentaram focos dos mosquitos durante as inspeções e não sanaram o problema. Nesta quarta-feira, 07, representantes da Coordenação de Vigilância em Saúde (covig) e do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), do Departamento de Vigilância Sanitária e Controle de Zoonoses de Niterói, órgãos da Fundação Municipal de Saúde (FMS), participarão de reunião na Secretaria de Estado de Saúde (SES) onde irão entregar, para avaliação, o Plano de Contingência contra Dengue em Niterói 2013.

Este ano foram notificados 6.146 casos, sendo 1.249 confirmados. Em 2011, 5.554 notificados, dos quais 728 confirmados. Apesar do número expressivo de notificações nos dois últimos anos, houve apenas um óbito ano passado. Como medida preventiva para evitar o agravo da doença, a presidente da Fundação Municipal de Saúde, secretária Gisela Motta de Miranda, continua determinando que os pacientes com suspeitas da doença, que chegam às unidades de saúde, sempre tenham prioridade no atendimento, sendo encaminhados para hidratação imediatamente.

As salas de hidratação são encontradas em todas as seis policlínicas regionais, no Hospital Municipal Carlos Tortelly, nos Serviços de Pronto Atendimento do Largo da Batalha e da Engenhoca e ainda na Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 horas).

Entre agosto e setembro – De janeiro até o início do último ciclo de prevenção da dengue realizado pelo CCZ, em 13 de outubro deste ano, além de um trabalho educativo, as equipes visitaram 481.744 imóveis para combater o mosquito da dengue, Aedes aegypti, e ratos.

O Índice de Infestação Predial (LIRA), de agosto e setembro, registrou nos bairros da cidade 1,2%%, considerado médio; em janeiro, que geralmente apresenta mais chuva e temperatura alta, o índice deste ano foi de 2,2%%, também considerado médio.


Compartilhe
Continuar Lendo
Comentários

Mais Notícias

Topo