Categorias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS Semana do meio ambiente em Niterói

Com diferentes ações voltadas para a limpeza das águas, a prefeitura iniciou no final de semana, uma extensa agenda em comemoração à Semana de Meio ambiente. Segundo dados da Organização das Nações Unidas, cerca de oito milhões de toneladas de plástico chegam aos oceanos, representando 90% do lixo flutuante. O evento, coordenado pela Secretaria de Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Sustentabilidade, inclui seminário no Memorial Roberto Silveira, no Caminho Niemeyer, terça-feira; e uma faxina na Praia da Itaipu, no sábado.

Segundo o subsecretário de Sustentabilidade de Niterói, Gabriel Cunha, o município atua em diferentes áreas para tentar solucionar a poluição do mar. “Esse tema está diretamente ligado ao consumo consciente, ou seja, depende também da educação da população para reduzir o consumo desse material. Ao poder público cabe a educação ambiental e disponibilizar equipamento público de coleta, além da organização de mutirão de limpeza em nossa costa, entre outras iniciativas. Vale destacar que este não é um problema local, mas global, que precisamos enfrentar de maneira séria e eficiente.” conta.

“O futuro em águas limpas” é o tema da semana no Projeto Grael, que coincide com seus 20 anos de fundação. Aberta ao público, a agenda vai de segunda a sexta-feira, Dia Mundial dos Oceanos, incluindo palestras, oficinas, exposição e exibição de filme, na sede (Avenida Carlos Ermelindo Marins 494, em Jurujuba) e uma regata.

A programação celebra também o relançamento do Projeto Águas Limpas, que coleta o lixo flutuante no mar com uma embarcação francesa e equipe treinada para a missão. A ação, desenvolvida nas enseadas de Jurujuba e Icaraí, tem o apoio da Águas de Niterói.

Sobrevivente da poluição, a fauna marinha será lembrada na programação do Projeto Grael com a exposição “Rio, mar de golfinhos”, com imagens e material captado pelo monitoramento do Laboratório de Mamíferos Aquáticos e Bioindicadores da Uerj, o Maqua. O evento terá ainda a exibição do filme “Baía urbana”, com a presença do diretor Ricardo Gomes; observações astronômicas com o Clube de Astronomia da UFF; e uma regata ecológica, na quinta-feira.

Mais verde

A prefeitura inicia a Semana do Meio Ambiente com plantio de mudas no Parque da Cidade, promovido pela prefeitura. Além das ações voltadas para a limpeza das águas, até domingo serão realizados seminários, palestras, oficinas, exposições e passeio ciclístico que têm como objetivo chamar a atenção para a conscientização ambiental e o engajamento na proteção da natureza.

A prefeitura destaca que, segundo a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), existem 123,2 metros quadrados de área verde para cada niteroiense.

A prefeitura acrescenta que esta área representa, “provavelmente, a maior proporção de zonas protegidas per capita em todas as regiões metropolitanas do Brasil.” Acrescenta que “o reconhecimento veio em função de o município ter, atualmente, 45,9% do território sob proteção, o que levou a entidade a incluir a cidade na publicação ‘Florestas e cidades sustentáveis: histórias inspiradoras de todo o mundo’.”

Em outra ação de destaque na programação, representantes do Fórum da Agenda 21 Niterói plantarão um ipê, na terça-feira (Dia do Meio Ambiente), ao meio-dia , na Praça da República, para lembrar a importância da conservação da Mata Atlântica na cidade e no país.

Confira programação completa: https://www.smarhs.niteroi.rj.gov.br/semanadomeioambiente2018