Categorias
NOVIDADES

ÚLTIMAS NOTÍCIAS Rodrigo Neves anuncia mais R$ 500 milhões em investimentos por toda cidade

Rodrigo Neves, prefeito de Niterói, anunciou que a cidade vai receber um pacote de investimentos ainda para 2018 e o próximo ano, na ordem de R$ 526,5 milhões. A verba, que já está garantida, é proveniente de recursos próprios, Parcerias Público-Privadas (PPP), Corporação Andina de Fomento (CAF) e do Banco Interamericano (BID). Os investimentos serão voltados para infraestrutura e qualidade urbana para vários bairros de Niterói. Entre as principais intervenções estará a modernização, acessibilidade, infraestrutura e melhorias da performance do corredor viário da Alameda São Boaventura, no Fonseca, além da implantação de uma nova maternidade e Centro de Imagens no município.

Segundo o prefeito, os investimentos se darão em três etapas: projetos iniciados já a partir do primeiro semestre, editais de licitação para o início das obras no próximo semestre e editais para os projetos executivos que se iniciarão. O lançamento dos projetos será no próximo dia 9 de abril. De acordo com Rodrigo Neves, neste dia será lançado o edital das obras de infraestrutura, drenagem, macrodrenagem e urbanização do bairro Santo Antônio, na Região Oceânica. O objetivo é iniciar as obras já neste semestre. O valor estimado para as intervenções é de R$ 76 milhões: “Diversas ruas receberão essas melhorias e, assim como os cidadãos do Cafubá, Fazendinha, Romanda Gonçalves e outros da Região Oceânica, moradores verão essa transformação urbana”, disse Rodrigo.

Ainda esse mês, Neves anunciará as obras de infraestrutura, drenagem e pavimentação no Jacaré, também na Região Oceânica, o investimento será de R$ 5 milhões. Ainda no primeiro semestre, Rodrigo contou que haverá um edital para as obras no bairro Maravista, Serra Grande e em torno da Avenida Central, cujo investimentos serão na ordem de R$35 milhões. “Vamos lançar, para a Região Oceânica, um projeto executivo de mais 50 quilômetros de ciclovias, cujo investimentos serão na ordem de R$ 30 milhões. Vamos lançar também o edital do Projeto Executivo do Parque-Orla, da Lagoa de Piratininga. As obras começarão no segundo semestre e o investimento é na ordem de R$ 15 milhões”, explicou Rodrigo.

O prefeito disse ainda que na próxima semana será lançado o edital do Projeto Executivo da revitalização da Praça Arariboia, orla de Icaraí e orla de Charitas. Para isso, serão investidos R$ 35 milhões, no entanto, o prefeito não deu detalhes do que será feito. Será anunciado no dia 9 de abril o projeto da nova maternidade e Centro de Imagens de Niterói, promessas de campanha do prefeito para o seu segundo mandato. Para essas intervenções, serão investidos R$ 45 milhões

Zona Norte – O prefeito garantiu ainda que haverá, a partir deste semestre, o início das obras de contenção de encostas em comunidades dos bairros Santa Bárbara, Cubango e Morro do Arroz, cujo investimentos serão de R$ 20 milhões.
Já no Barreto, o Parque Palmir Silva, popularmente conhecido como ‘Horto do Barreto’ começará a ser revitalizado ainda neste semestre. Segundo o prefeito, no espaço será implantado o primeiro jardim japonês da cidade. Todo o custo será de R$ 1,5 milhão.
Um dos projetos mais emblemáticos e ousados da Prefeitura de Niterói custará R$ 90 milhões e terá o projeto executivo anunciado no próximo dia 9. Quando será lançado o projeto Executivo da modernização, acessibilidade e infraestrutura de um moderno corredor de transportes na Alameda São Boaventura, no Fonseca. As baias receberão intervenções em calçadas, iluminação de led e reforma nas estações.
“Vai melhorar muito a mobilidade e o trânsito, porque, por meio eletrônico, os usuários poderão acessar os ônibus. Então você não precisa que todos os ônibus entrem nas baias, como acontece hoje. O usuário vai acessar um sistema eletrônico”, disse Rodrigo sem entrar em detalhes.
Também na próxima semana será lançado o edital das obras de infraestrutura na Igrejinha e no Caramujo, ao custo de R$ 20 milhões.
Também será lançado o edital do projeto executivo de restauração da Ilha da Boa Viagem. Segundo Rodrigo, será feita toda a infraestrutura da ilha.
“Era de responsabilidade do Estado e do Iphan a administração da ilha. Mas como o Iphan não fez, vamos assumir. Nós fizemos a ponte e a ideia agora é que a gente faça a restauração de toda a ilha, que custará R$ 6 milhões”, explicou Rodrigo.

Novos investimentos –No próximo dia 15 de abril haverá a assinatura da Parceria Público-Privada da concessão do Mercado Municipal. Com o investimento de R$ 70 milhões, Rodrigo explicou que o mercado será um dos principais indutores de desenvolvimento econômico e gerador de empregos da cidade: “O Polo Gastronômico e Mercado Municipal, sem dúvida, terão o mesmo êxito que teve o Reserva Cultural”, avaliou.
Outro projeto que terá ordem de início em abril é o Parque Rural do Engenho do Mato. Ao custo de R$ 3 milhões. A ideia é transformar o parque local de eventos e exposições, além de outras atividades econômicas.
Também em abril será lançado o edital do Projeto Executivo da nova Concha Acústica, em São Domingos. Segundo o prefeito, o local será completamente transformado, inclusive com o primeiro ginásio público coberto do município. Ali acontecerão eventos oficiais da cidade, além de parque público de esporte e lazer. O custo é de R$ 10 milhões.
O edital do projeto executivo do Museu do Cinema também será lançado em abril: “Será o primeiro museu interativo e tecnológico da cidade e custará R$ 25 milhões à prefeitura”, pontuou Rodrigo Neves.
O prefeito finalizou ainda dizendo que haverá a construção de áreas de lazer em diversas comunidades de Niterói, cujo investimentos serão de R$ 30 milhões.