Categorias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS Procon fiscaliza bancos em Niterói por tempo de espera em fila

O Procon Estadual do Rio de Janeiro realizou operação de fiscalização em 14 agências do Banco do Brasil, Caixa Econômica, Bradesco, Santander e Itaú ontem (4) e hoje (5). Os fiscais vistoriaram agências nos municípios do Rio de Janeiro, Niterói e Maricá para averiguar denúncias de consumidores.

Em 2020, o Procon-RJ recebeu mais de 110 denúncias de agências bancárias, sendo 72% delas sobre o tempo excessivo de espera em filas. A legislação dos municípios fiscalizados limita o tempo máximo para atendimento. Em sete dos locais verificados, os agentes identificaram fila na área externa das agências.

Outro problema grave encontrado pelos fiscais foi a ausência de algumas medidas para manter o distanciamento social entre os clientes, a fim de evitar a aglomeração e contaminação pela covid-19. Os agentes também constataram terminais de senhas inoperantes, ausência de caixa adaptado para cadeirantes, número insuficiente de assentos preferenciais, ausência de cartaz com informações sobre o tempo de fila e não autenticação eletrônica de pagamento no próprio boleto.

Além disso, ausência de cartaz com telefone do Bacen, inexistência de guarda volume antes da porta-giratória e falta de informação sobre o não recebimento de contas de consumo. Ausência do cartaz obrigatório com o telefone do Procon-RJ e livro de reclamações sem autenticação da autarquia foram os outros problemas identificados pelos fiscais.

Tempo elevado de espera na fila para o atendimento, ausência de medidas para manter o distanciamento social e falta de informação aos consumidores foram os problemas identificados. Em uma das agências, uma idosa relatou que teve que aguardar 2 horas e 40 minutos para ser atendida.

Locais fiscalizados em Niterói: Caixa Econômica – Rua Gavião Peixoto, 226, Icaraí, Niterói/ Banco do Brasil – Rua Presidente Backer, 54 lojas 101 e 102, Icaraí, Niterói

O Procon não divulgou os bancos autuados