Categorias
NOVIDADES

Seus Direitos O momento ideal para convencer as pessoas a deixarem o carro em casa

topo-coluna-seusdireitos

Sair da zona de conforto, mudar os hábitos e ganhar uma nova rotina, não é fácil. Ainda que essas mudanças tragam benefícios para o corpo, a mente e o ambiente, por vezes não são o suficiente para ser a força.

Psicólogos da Universidade de Cardiff, no Reino Unido, realizaram um estudo com 18.053 ingleses, para entender em que momento as pessoas estão mais aptas a mudar de comportamento, com enfoque no tipo de transporte escolhido por elas. Os resultados mostraram que as pessoas com forte preocupação ambiental e que se mudaram a menos tempo (menos de um ano) reduziram o uso do carro em relação a quem tinha o mesmo nível de preocupação ambiental, mas não havia trocado de casa.

Do ponto de vista da mudança prática, a descoberta dos pesquisadores sugere que políticas de desestímulo ao uso do carro seriam melhor empregadas em pessoas novas no bairro, por exemplo. Segundo um dos pesquisadores, outras mudanças de vida também podem encorajar mudanças de hábitos, como mudanças de trabalho, ter um filho, aposentadoria ou perda de um familiar.

Os números mostraram que após três meses os resultados já começam a ser menores. Essa pista sobre o comportamento humano pode ajudar a convencer mais gente a adotar hábitos mais sustentáveis de deslocamento, que contribuem para toda a sociedade, reduzindo a poluição do ar, a emissão de gases do efeito estufa, os engarrafamentos e tantos outros problemas relacionados ao uso do carro, principalmente quando esse uso não é extremamente desnecessário. Mas não quer dizer que você precisa esperar aquele amigo que vai até a esquina dirigindo mudar de bairro para tentar convencê-lo.

A conclusão é que as pessoas com atitudes preocupadas com o ambiente estão ligados a índices menores de uso do carro após se mudarem, mas essa ligação entre preocupações e comportamentos diminui ao longo do tempo.

No Brasil:

O que sabemos, é que mais de setenta milhões de toneladas de gás carbônico são liberados na atmosfera decorrente da utilização de gasolina por veículos no Brasil. Dessa forma, esse composto químico é responsável pelo aumento do aquecimento global, o que ocasiona a elevação da temperatura média e, consequente, vários problemas ambientais.

Diante disso, percebe-se a real necessidade de desenvolver meios para reverter essa situação. Vamos lutar por uma cidade com mobilidade sustentável. Implantando malha cicloviária, campanhas educativas no trânsito da nossa cidade e buscar por investimentos no transporte público.

Exija seus Direitos!

Tem alguma dúvida ou sugestão para a Coluna “Seus Direitos”? Entre em contato.

CLIQUE AQUI PARA RECEBER MAIS CONTEÚDOS


Leandro Portugal – Advogado, 33 anos. Nascido e criado em Niterói, amor incondicional pela cidade. Eleito VEREADOR em seu primeiro mandato.
www.facebook.com/LeandroPortugalRj
www.instagram.com/LeandrinhoPortugal
www.twitter.com/Leandrinho_Nit
www.leandroportugal.com.br