Acesse nossas Mídias

Especiais

Do Havaí para Icaraí – Stand Up Paddle vira mania em Niterói

75562_164369233714379_515795097_nEm nossa incessante busca de paz, saúde e equilíbrio no dia a dia, o esporte é, reconhecidamente, um dos melhores meios para alcançar uma melhor qualidade de vida. E se essa atividade for praticada em contato direto com a natureza, melhor ainda. É por esse e outros motivos que o Stand Up Paddle (SUP) virou mania em Niterói. A modalidade, que é relativamente nova no Brasil, ganha cada vez mais adeptos nas praias da cidade.

Durante os dias, principalmente nos finais de semana, a vista das praias de Icaraí, São Francisco e Charitas ganharam um novo ingrediente de beleza: os praticantes do Stand Up Paddle remando em cima de suas pranchas. Mais simples para se aprender do que a maioria dos esportes praticados no mar, a atividade chama a atenção e a curiosidade principalmente de idosos, crianças e mulheres. Pensando nisso, o professor Luiz Kid, criou uma “escolinha” – a SUPlife Niterói – para as pessoas conhecerem e ingressarem no esporte.

“O Stand Up abriu um leque de possibilidades para quem sonhava em praticar algum esporte no mar. Eu costumo dizer que o SUP é um dos esportes mais democráticos que existe. Qualquer pessoa pode praticar. Muita gente tem medo de fazer esporte marítimo, pois acham que não vão conseguir, como o surfe ou o boadyboard , e veem no Stand Up uma maneira mais viável”, disse o instrutor, que pratica o esporte há três anos.

59733_164368687047767_160148199_n“Eu sempre surfei, mas quando descobri o Stand Up me fascinei. Na época não tinha ainda visto o esporte aqui em Niterói. Só fui conhecer no Rio e achei que aqui seria um lugar perfeito para a prática. Temos praias com as condições ideais e por isso resolvi trazer esse esporte para cá. No início as pessoas tinham muita dúvida, curiosidade, mas agora todos me procuram já com o pensamento de iniciar”, declarou.

Casal no SUP – Um desses exemplos citados por Luiz é o consultor financeiro Jaime Ferreira, de 48 anos. Surfista desde a juventude, ele foi, junto com a sua namorada Cristine Quintanilha (foto abaixo) fazer sua primeira aula de Stand Up nesse último sábado, 16. Entusiasmado, ele garantiu que irá se dedicar ao esporte.

“Eu amo qualquer esporte em contato com o mar. Sempre surfei, mas acho que o SUP é o esporte que eu pretendo seguir. Ele nos dá uma possibilidade única de atividade e relaxamento. Você, quando cansar, pode deitar na prancha e olhar para o céu. Tem coisa melhor?”, disse Jaime, que no entanto, revelou algumas dificuldads na estreia.
66422_170273513123951_2046532992_n
“Tive alguma dificuldade para ficar em pé. Não é tão simples quanto parece de vista. Acho que estou um pouco pesado, por isso tive pouco equilíbrio, mas com o tempo vou acertando. Minha namorada que começou com tudo! Logo no primeiro dia já ficou de pé e saiu remando!”, comemorou.

Facilidade – O professor Luiz Kid destacou uma maior facilidade das mulheres e de crianças para a atividade. Apesar de não saber muito bem a razão, ele acredita que o peso possa interferir no aprendizado inicial, mas garante que esse não é o fator primordial para a prática.

“As mulheres dão show no Stand Up. Elas pegam mais rápido do que os homens, é incrível! As crianças também já sobem em saem remando de pé logo de primeira. Eu acho que o peso pode ser uma das razões, mas, não é o grande diferencial. Qualquer pessoa consegue praticar, é só encontrar o equilibrio do corpo em cima da prancha. Alguns levam mais tempo, outro menos, mas não demora muito não”, destacou o professor, formado em educação física.

Sobre o SUP – O Stand Up Paddle é um esporte originário do Havaí. Apesar de ser novidade no Brasil, essa atividade é tão ou mais antiga do que o próprio surfe. Excelente opção de condicionamento físico, fortalecendo braços, pernas abdomen, além de melhorar o equilíbrio, a modalidade também tem caráter competitivo. Exitem competições de SUP ao redor do mundo, nas modalidades “travessia” e “ondas”. O SUP tem a facilidade de poder ser praticado tanto no mar, como nas águas rasas de baías, lagos, rios, e as lagoas.

Serviço – Para quem deseja ingressar no esporte ou prentende, inicialmente, apenas se informar sobre a modalidade, a Fan Page “Stand Up Niterói” é uma boa opção para tomar conhecimento da atividade. Já os interessados em cair na água, podem procurar o professor Luiz Kid pelo telefone (21) 8217-9521. Ele oferece todo o equipamento necessário, além da venda de pranchas e acessórios.

Continuar Lendo
Comentários

Mais Especiais

Topo