Categorias
NOVIDADES

O QUE FAZER? Lançamento do Livro Poemia de Andre Chuwarten

Lançamento do Livro Poemia de Andre ChuwartenDatas: Sábado, 15 de novembro. 
Horários: 15h 
Local: Campo de São Bento. entrada pela Rua Gavião Peixoto), Icaraí, Niterói – RJ
Entrada:  Franca 
Classificação:  Livre 
Mais informações: Aqui

A produtora Bem Nascido leva o lançamento do livro “Poemia”, de Andre
Chuwarten, para o projeto Tomada Cultural do Campo de São Bento, uma iniciativa da
Prefeitura de Niterói realizada por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da
Fundação de Arte de Niterói (FAN). A Tomada Cultural, que acontecerá no sábado 15
de novembro e está programado para começar às 10h e terminar às 18h, será uma
verdadeira maratona, onde irá reunir diferentes expressões artísticas como literatura,
música, teatro, cinema, circo, artes plásticas, fotografia e artesanato, e contará com a
presença de diversos artistas da cidade.
Andre Chuwarten é um poeta niteroiense de 29 anos. Doutorando em Química
Industrial, mas verdadeiramente apaixonado pelas letras, melodias e boemia. O livro
“Poemia” possui seus 30 primeiros poemas e será lançado de maneira independente.
Para o lançamento do livro “Poemia” será realizado um Sarau recitando os poemas do
livro e contará com um espaço aberto para poetas e amantes da arte recitarem seus
próprios poemas ou poesias de livros que estarão disponíveis no local. A Poemia
acontecerá das 15 às 18 horas dentro da agenda da Tomada Cultural. O convite aos
poetas e aos amantes das artes está lançado!
Para endossar essa Poemia, o Centro de Dança de Niterói e o Cateano
Companhia de Dança farão intervenções artísticas durante o sarau, e fechando a
noite, a banda Bow Bow Cogumelo fará um som acústico para divulgar seu novo
projeto, o EP “Mergulho”.
O evento Poemia faz parte do projeto “Poesia de Guerrilha” da Produtora Bem
Nascido. O conceito é levar a poesia de volta às ruas por meio de táticas normalmente
conhecidas como marketing de guerrilha. “Alguns fazem guerra com armas e outro até
com marketing. Nossa guerra é pela poesia”.