Categorias
NOVIDADES

Banda Nayah prepara turnê nacional para divulgar novo álbum

992878_10151479581923807_2136849988_nUma das bandas mais queridas de Niterói, e, uma das mais fortes representantes do cenário atual da música independente do Rio de Janeiro, a Banda Nayah se prepara para alçar voos mais altosDepois do grande sucesso nos shows de lançamento do novo álbum “Siga o Vento”, por todo o Estado, o grupo passará por uma intensa agenda de divulgação, com direito a tour pelo país, visitas em redações de rádios, jornais e canais de TV, e produção de conteúdo para as redes sociais.

Formado em 1998 por Kid Mumu (voz e violão), JPunk (voz), Renzo Goldoni (voz) e Alex Gaspar (guitarra e backing vocals), o Nayah cada vez mais se distancia de estereótipos e navega por outros mares onde o reggae, o hip-hop e rock se encontram em um oceano cheio referências. Produzido pelo legendário baixista Arthur Maia, “Siga o Vento” conta com dez faixas inéditas e uma sonoridade que rompe com os trabalhos anteriores. O reggae ainda é a matriz sonora, mas desta vez, a banda não teve medo de subverter o gênero que marcou o início da sua carreira e abraçou com vontade novos timbres e texturas.

“A gente está o tempo todo sendo bombardeado por informações que vêm de todos os lados. Filtrar, reconfigurar e transformar tudo isso em música é um desafio que nos move e agora está materializado neste CD, que serve como uma bússola para a banda e revela novos caminhos a serem seguidos”, explica Kid Mumu.

Nessa próxima terça-feira, 13, o novo álbum “Siga o Vento” estará disponibilizado para downloads grátis.1002878_710863385596371_210783491_n

Participações e Clipe –
Finalizado no primeiro semestre desse ano, “Siga o Vento” contou com as luxuosas participações, como do tropicalista, Jorge Mautner, em “A Vida é o amor”; do mestre do dub, Mad Professor, em “Não queremos guerra”, além do brilho de Marcelinho da Lua em “Voo do abutre” e do DJ Machintal, no raggamuffin “3 Fly Monkeys”. A primeira música de trabalho, contudo, não conta com participações. A ensolarada “A vida não pode ser pela metade” traz o Nayah em estado puro, com videoclipe produzido por Jodele Larcher.

“Decidimos lançar esta primeira música como uma espécie de teaser. Disponibilizado no YouTube (http://goo.gl/gSDOv), o vídeo já conta com milhares de visualizações e a recepção tem sido positiva. Fora que temos como protagonista uma Kombi que foi toda grafitada. O resultado ficou fantástico e a ‘Kombi do Nayah’ será o  nosso principal meio de transporte na divulgação do disco”, explicou, JPunk.