Categorias
NOVIDADES

ÚLTIMAS NOTÍCIAS Procon analisa preços abusivos em supermercados

Nesta última quinta-feira (04) nove supermercados em diferentes municípios, incluindo Niterói, foram vistoriados. Destes, seis foram autuados e 68kg e 390g de produtos vencidos foram descartados. Os fiscais também verificaram irregularidades na manipulação e armazenamento de alimentos, problemas estruturais, preços cobrados pelas sacolas descartáveis e condições de prevenção da COVID-19.

Além de todos estes problemas, a equipe do Procon-RJ também esteve atenta às condições de higiene e distanciamento para a prevenção da propagação do coronavírus. Em todos os mercados visitados a fiscalização não conseguiu traçar um comparativo entre os preços praticados atualmente e aqueles praticados antes da pandemia por ausência de documentação pertinente.

Os responsáveis dos supermercados terão 48 horas para enviar as notas fiscais de compra e venda dos produtos, a partir de janeiro de 2020, para a análise e comparação com os preços praticados atualmente. Nos supermercados Multimarket, Pão de Açúcar e Real/Rede Unno, nenhuma irregularidade foi encontrada.

A Diretoria de Fiscalização do Procon Estadual do Rio de Janeiro recebeu, desde o começo de março, 427 denúncias contra supermercados. 285 denúncias foram recebidas no período da covid-19, tendo como objeto o aumento abusivo de alimentos; 109 denúncias tendo como objetos alimentos fora da validade ou impróprios para consumo, problemas estruturais, divergência de preço entre a gôndola e o caixa, falta de acessibilidade, dentre outros; 33 denúncias recebidas no período da Pandemia de Covi 19, tendo como objeto o aumento abusivo do preço do álcool em gel.

Supermercados fiscalizados em Niterói:

  • Supermercado Real/ Rede Unno – Rua Noronha Torrezão, 323, Santa Rosa
  • Supermercado Multimarket – Estrada Caetano Monteiro, 1.981, Pendotiba