Categorias
NOVIDADES

EVENTOS O Circo-mundo armorial: uma celebração dos 50 anos do movimento

Na programação online, uma lona imaginária se abre para receber, no dia 9 de outubro, a mesa “O circo-mundo armorial”. O debate conta com a presença de Gustavo Moura, Luiz Carlos Vasconcelos, Alice Viveiros de Castro e mediação de Gilmar Rocha

Para rir das cambalhotas que o mundo dá é que o circo foi inventado. Brinquedo da vida, ele desmantela tudo o que parece sério demais, obediente demais, aprisionante demais, poderoso, injusto ou cruel demais. No Movimento Armorial, ele chega zombeteiro inclusive para entortar os mitos e crenças de seu público, divertindo-se com a esperteza ingênua dos heróis cômicos que saltam dos folhetos de cordel. É de dar cambalhotas imaginárias com os pícaros contemporâneos que vive o circo-mundo armorial, aquele rico em astúcias e peripécias, que só pode contar com a coragem irrefletida dos “pobres-diabos” para escapar às armadilhas de uma trágica existência. 

Foto: Divulgação UFF/ Matheus Santos

Calcemos sapatos maiores que os pés! Vistamos a carapuça da burla e do ridículo! Apostemos na face libertária e contestatória do riso para pensar a cultura brasileira como obra aberta, um furado saco de risadas que usa o poder da graça para alardear, contente, sua crítica ético-social da realidade. Quem convida é a pesquisadora e uma das maiores conhecedoras de circo no Brasil, Alice Viveiros de Castro, autora do clássico “O Elogio da Bobagem: pequena história de palhaços, augustos e clowns no Brasil e no mundo”. Com ela, conversam o ator, diretor e palhaço “Xuxu” Luiz Carlos Vasconcelos, e o fotógrafo Gustavo Moura, autor, entre outros, do livro “Do Reino Encantado”, no qual aborda o universo da vida e obra do escritor Ariano Suassuna.

Mesa “O circo-mundo armorial”

Na programação, uma lona imaginária é armada para receber, no dia 9 de outubro, a mesa “O circo-mundo armorial”. O debate online, com a presença de Gustavo Moura, Luiz Carlos Vasconcelos, Alice Viveiros de Castro e mediação de Gilmar Rocha aborda a referência quase mística do circo como imagem do mundo. É o circo errante e suas imagens, o mundo extraviado e encarnado pelos andarilhos, ciganos e as personagens pícaras, que desdobram o armorial e a obra de Ariano Suassuna.

Confira a programação do Circo-mundo armorial: 

09 de outubro, sexta-feira

17h Mesa 3: O circo-mundo armorial

A mesa aborda a referência quase mística do circo como imagem do mundo. É o circo errante e suas imagens, o mundo extraviado e encarnado pelos andarilhos, ciganos e as personagens pícaras, que desdobram o armorial e a obra de Ariano Suassuna.

10º Interculturalidades – Movimento Armorial 50 Anos

Em sua 10ª edição, o Interculturalidades, um dos projetos mais importantes da UFF e referência no cenário nacional, se reinventa coletivamente e de modo colaborativo para gerar reflexões em torno do Brasil profundo e real, promovendo diálogos que evocam as artes do povo, a partir das matrizes ameríndias, negras e ibéricas. Um convite para decifrar os signos e os encantos do Armorial, que convocam o público para uma experiência de fruição artística das mais trepidantes e inquietantes.

10º Interculturalidades – Movimento Armorial 50 Anos é uma realização da Universidade Federal Fluminense (UFF) e do Centro de Artes da UFF.

PROGRAMAÇÃO DIVERSIFICADA UNINDO ARTE E FORMAÇÃO

Um conjunto de atrações com mesas de debates, lives artísticas, exposições, mostra de cinema e apresentações musicais. Assim se apresenta a programação completa do 10º Interculturalidades – Movimento Armorial 50 Anos, que acontecerá de forma online e gratuita no canal do Youtube da UFF (www.youtube.com/centrodeartesuffoficial).

SERVIÇO

10º Interculturalidades / 50 anos do Movimento Armorial

Realização: Universidade Federal Fluminense / Centro de Artes UFF

De 07 a 18 de outubro de 2020 

Evento online e gratuito, aberto ao público 

Youtube do Centro de Artes UFF: youtube.com/CentrodeArtesUFFOficial

Siga as redes sociais da UFF:

facebook.com/centrodeartesuff

instagram.com/centrodeartesuff/

Mais informações: www.centrodeartes.uff.br