Acesse nossas Mídias

Notícias

Neltur divulga programação do carnaval em Niterói

A folia em Niterói está preparada! A Niterói Empresa de Lazer e Turismo (Neltur), divulgou a programação do carnaval 2013 da cidade. Durante os quatro dias de festa, o município receberá o reforço de mais 130 policiais militares nas ruas. Setenta deles vão atuar no Centro e na Zona Sul e 60 na Região Oceânica. O reforço do policiamento começará às 18h do dia 9 de fevereiro e vai até as 4h do dia 13.

Quinze localidades terão carnaval de rua este ano: Avenida Central (Itaipu), Rio do Ouro, Badu, Largo da Batalha, Santa Bárbara, Engenhoca, Ilha da Conceição, Largo da Barradas, Rua Nóbrega (Jardim Icaraí), Jurujuba, Ponta da Areia, Engenho do Mato, Tenente Jardim, Beco da Paulina e Buraco do Juca. Na maioria dos locais, haverá palco e banheiros químicos.

Conforme a programação, a cidade terá o desfile de 17 blocos carnavalescos, que vão às ruas entre os dias 26 de janeiro e 17 de fevereiro. Uma das novidades para este ano é que a Banda do Ingá, um dos maiores blocos da cidade, vai desfilar somente até o final da Praia de Icaraí e não vai até Charitas.

O presidente da Neltur, Paulo Freitas, afirmou que a montagem das arquibancadas para os desfiles de blocos e escolas de samba na Rua da Conceição, no Centro, vai começar às 22h do dia 6 (quarta-feira), mas não vai provocar a interdição da via.

A Rua da Conceição só será interditada no dia 8 (sexta-feira), a partir das 18h, juntamente com as ruas José Clemente, Almirante Tefé, Alberto Vítor e Doutor Borman. Uma faixa da rua Visconde do Rio Branco será bloqueada no sábado, dia 9 de fevereiro, a partir das 17h. O trânsito da Rua da Conceição será desviado para a rua Marechal Deodoro.

A Prefeitura pretende solicitar à concessionária CCR, que administra a ponte Rio-Niterói, a instalação de painéis variáveis com informações sobre o trânsito na cidade durante o carnaval.

Durante a reunião, foi anunciado também que os ambulantes estarão proibidos de vender produtos em vidro na área dos desfiles, nos blocos e nos bairros onde haverá carnaval de rua.

Menos verba- Diante da grave crise financeira, a Prefeitura de Niterói reduziu o orçamento do carnaval em 40% esse ano. Paulo Freitas ressaltou que a realização da festa de Momo deste ano em Niterói reflete um esforço por parte do prefeito Rodrigo Neves, que apesar de ter herdado uma grande dívida da administração anterior, tem consciência de que a população não poderia ficar sem o carnaval.

“O prefeito já explicou que a situação financeira da prefeitura é dramática, mas que a festa popular também é extremamente importante para a nossa cidade”, disse Freitas.

Continuar Lendo
Comentários

Mais Notícias

Topo