Orla de Charitas e São Francisco ganhará ciclovia segregada - Guia de Niterói
Categorias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS Orla de Charitas e São Francisco ganhará ciclovia segregada

A dinâmica do trânsito de Charitas e São Francisco, a partir do próximo mês, passará por transformações importantes. As vagas de estacionamento serão suprimidas, em diferentes períodos do dia, ao longo de toda a orla. A ciclofaixa junto ao canteiro central, hoje em funcionamento das 6h ao meio-dia, será extinta. Para o ciclistas, será criada uma faixa segregada bidirecional, que se conectará com ciclovia do túnel Charitas-Cafubá. As mudanças buscam aumentar a capacidade da via para suportar o aumento do volume de automóveis com a abertura das galerias, anunciada pela prefeitura para o dia 6 de maio.

A partir desta data, será proibido parar nas vagas de estacionamento das avenidas Sílvio Picanço e Quintino Bocaiúva da meia-noite às 11h, no sentido Icaraí. Na direção contrária, a proibição será das 17h às 21h. Com isso, o trajeto ganhará mais uma faixa e rolamento a partir do restaurante À Mineira. O município entende que a restrição não prejudicará o comércio. Já a ciclovia da orla passará para o lado direito. A rota exclusiva será segregada e vai permitir que os ciclistas andem em segurança de Icaraí — via Avenida Roberto Silveira ou via Praia de Icaraí e Estrada Fróes — ao Cafubá. O ciclistas de alta performance terão um traçado exclusivo, de três quilômetros, do lado do Cafubá. Dessa forma, o cidadão vai poder sair da praia ou da Roberto Silveira e ir pela ciclovia até Piratininga. Isso é mais uma mudança impactante, positiva na vida das pessoas.

Após uma série de adiamentos, a prefeitura garante que as duas galerias começam a funcionar plenamente para veículos particulares, bicicletas e com três linhas de ônibus num primeiro momento — 38B (Itaipu-Charitas), 39B (Piratininga-Charitas) e 1001 (Itaipu-Charitas, integração). O órgão calcula que o tempo de deslocamento entre esses dois bairros cairá pela metade, dos atuais 50 minutos para 25 minutos.

O itinerário das linhas mudam para atravessar o túnel: a 38B segue com trajeto normal até o DPO do Cafubá. A partir dali, a linha acessa a pista de concreto do BRT e segue por ela até Charitas, com apenas uma parada na rótula do Cafubá. A linha de integração da 1001 faz o mesmo trajeto que o 38B, mas não está certo se os coletivos vão trafegar pelas pistas laterais ou pelo corredor do BRT, uma vez que eles têm padrão de turismo, com dimensões maiores. Já a linha 39B mantém o percurso atual pela Avenida Sete e acessa o corredor do BRT na Avenida Paulo de Mello Kale, na altura da Costelaria Fogo de Chão.

Segundo o prefeito Rodrigo Neves, a abertura do túnel vai impactar o desenvolvimento de toda a cidade. “A Região Oceânica é nosso vetor de crescimento. Nos últimos 30 anos, houve um adensamento desmedido em Icaraí, que ficou com muita gente e problemas de mobilidade pela falta de investimento em infraestrutura.”

As três linhas de ônibus com percurso pelo túnel terão um ponto de embarque e desembarque em frente à estação hidroviária de Charitas. De lá, os usuários poderão pegar o catamarã para a Praça Quinze ou fazer baldeação para o Rio e o Centro de Niterói. Até agora, não há perspectiva de redução no valor da tarifa dos catamarãs de Charitas (R$ 16,50).

Para esta semana está prevista uma reunião da Subsecretaria de Transportes com empresários de ônibus. O órgão estuda a possibilidade de as linhas intermunicipais das viações Pendotiba, Braso Lisboa, Ingá e Garcia que fazem ponto final na orla de Charitas sigam direto para o Cafubá. Na orla, só será permitida a parada rápida, para embarque e desembarque de passageiros. Já o ponto de táxi que hoje fica logo após a estação de Catamarã passará a funcionar antes dela, com 12 vagas.

Comments ( 1 )

Leave a Comment

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>