Obras no Trevo de Piratininga serão concluídas no próximo dia 10 - Guia de Niterói
Categorias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS Obras no Trevo de Piratininga serão concluídas no próximo dia 10

 As obras de macrodrenagem em Piratininga e Itaipu já estão na reta final. No dia 10 de dezembro, serão concluídas as obras no Trevo de Piratininga, uma das etapas mais complexas, e no dia 22, será entregue a obra na Estrada Francisco da Cruz Nunes e na Avenida Almirante Tamandaré. Com o término destas intervenções, os motoristas não precisarão mais acessar os desvios pelas ruas internas dos bairros, garantindo maior fluidez no trânsito da região.

Para a execução desta obra, que é a maior obra de macrodrenagem da Região Oceânica, estão sendo colocados 1,7 quilômetro de galerias para escoamento de águas pluviais, a partir da Estrada Francisco da Cruz Nunes (na altura da Rua Uirapuru, ao lado do motel Status) até a Avenida Almirante Tamandaré (próximo a Rua Átila Nunes, ao lado do posto BR). A obra tem investimento de R$ 32 milhões e está sendo executada com recursos da Cooperação Andina de Fomento (CAF).

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, ressalta que as intervenções vão resolver problemas históricos de alagamento em áreas como o Trevo de Piratininga e na região perto do motel Status, além de beneficiar o loteamento Santo Antônio, já que após a sua execução, será possível iniciar o trabalho de microdrenagem do loteamento.

“O túnel Charitas-Cafubá e a TransOceânica são muito mais que obras de infraestrutura viária, são projetos de mobilidade que trarão melhor qualidade de vida para os moradores da região. Estamos realizando mais um importante e histórico investimento. Os políticos, muitas vezes, não gostam de fazer obras como estas, porque são enterradas e não aparecem. Mas, com estas intervenções, estamos superando problemas de décadas, de falta de mobilidade e enchentes”, afirmou o prefeito.

O secretário municipal de Obras, Vicente Temperini, explica que, ao longo do primeiro semestre de 2018, haverá intervenções adicionais, mas com menor impacto no trânsito. “As áreas de calçadas estão sendo finalizadas e o deslocamento de alguns postes está sendo realizado pela Enel. O projeto foi adequado para incluir o maior número possível de vagas de estacionamento nas áreas próximas ao comércio. A maioria das solicitações feita pelos comerciantes locais para facilitar o acesso às lojas e para a criação de vagas de estacionamento têm sido atendidas”, disse Temperini.

O administrador regional da Região Oceânica, Carlos Roberto Boechat, destaca que durante a obra, as reuniões realizadas entre comerciantes, moradores, representantes da Prefeitura e do consórcio responsável pela obra, possibilitaram importante diálogo para o desenvolvimento dos trabalhos na região.

“É importante ressaltar que as passagens para retorno, que serão definitivas, vão ser finalizadas com drenagem e pavimentação no primeiro trimestre de 2018. Estas conversões, que já estão funcionando, ajudam a melhorar a mobilidade na Região Oceânica”, ressaltou.

Em quatro anos e meio, a Região Oceânica teve o maior investimento de sua história. São mais de R$ 100 milhões só em drenagem e pavimentação, beneficiando bairros como Cafubá, Fazendinha, Bairro Peixoto, parte de Piratininga, Camboinhas, Maravista e Maralegre. São mais de 150 ruas com obras executadas. Estão em andamento ainda as obras da Rua Romanda Gonçalves, no Engenho do Mato.

Comments ( 1 )

Leave a Comment

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>