Com aumento no fluxo de bicicletas no Centro, Niterói implanta nova faixa de travessia para ciclistas - Guia de Niterói
Categorias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS Com aumento no fluxo de bicicletas no Centro, Niterói implanta nova faixa de travessia para ciclistas

Niterói vem experimentando, mês após mês, aumento no número de ciclistas nas ruas da cidade, como resultado das iniciativas voltadas para a ciclomobilidade no município. O mais recente levantamento do programa Niterói de Bicicleta apontou que o fluxo sob duas rodas na Avenida Ernani do Amaral Peixoto – uma das principais vias da cidade – cresceu 86% em dois anos. Pensando na movimentação e segurança dos ciclistas, foi implantada na última terça-feira, uma faixa de travessia entre a movimentada via e a Praça Araribóia.

O fluxo é intenso no trecho, uma vez que muitos ciclistas estacionam suas bikes no bicicletário Araribóia e vão para o Rio de Janeiro de barca. A orientação é de que os ciclistas atravessem na faixa destinadas às bicicletas no momento em que o semáforo estiver fechado para os automóveis, ônibus e motocicletas, e que trafeguem pelo espaço destinados a eles.

Com um programa direcionado especialmente às bicicletas e metas de ciclomobilidade definidas para a cidade, ao longo dos últimos anos a Prefeitura vem registrando aumento no número de bikes nas vias da cidade. Para quantificar o fluxo de ciclos na ciclovia da Amaral Peixoto, o programa Niterói de Bicicleta realiza duas contagens distintas: a manual, realizada mensalmente, verifica o número de ciclistas ao longo do período de duas horas no pico da manhã; já a contagem automática é realizada anualmente.

O levantamento manual apontou que, nos meses de agosto de 2015, 2016 e 2017, foram registrados, respectivamente, em média 112,5, 120,5 e 209 ciclos passando, por hora, na avenida. Neste período, a quantidade de bicicletas usando a ciclovia do Centro aumentou cerca de 86%. Em 2017 também foi registrado aumento: de acordo com dados do coletivo Mobilidade Niterói, em março, quando o bicicletário da Praça Arariboia foi inaugurado, eram 160 ciclos por hora. Em cinco meses, foi registrado crescimento de 30% de fluxo na Amaral Peixoto.

A outra contagem automática, realizada anualmente, conta todas as bicicletas que passam em um ponto das ciclovias da via ao longo de um dia. A última estatística, realizada em dezembro de 2016, apontou 1590 bicicletas/dia na avenida.

Outro levantamento, realizado no início de 2017 pelo programa Niterói de Bicicleta, apontou que o número de ciclistas cresceu cerca de 67% em ciclovias da cidad. Segundo o estudo, a maior parte das bicicletas é utilizada como meio de transporte para o trabalho. Os dados apontam que, pela manhã, o pico no número de ciclistas é em direção às barcas, e, no final do dia, o fluxo segue no sentido oposto.

A meta da Prefeitura de Niterói é alcançar, até 2020, a marca de 100 quilômetros de ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas em toda a cidade, incluindo 57 quilômetros na Região Oceânica, por meio do projeto Pró Sustentável.

Leave a Comment

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>